Frases e Cadências

Excerto

Uma frase é uma série de notas que soam completas mesmo quando separadas da melodia principal.

Assista à aula completa com animação em Flash ou leia a transcrição abaixo

As aulas de teoria musical foram produzidas em Flash, uma tecnologia que não funciona em celulares e em alguns tablets. Se em vez da aula aparecer abaixo uma tela em branco, você pode salvar o link desta página em seus favoritos e abri-la depois num computador desktop ou notebook. Se já estiver num computador, basta instalar e ativar o Flash no navegador. Bons estudos!

Transcrição

Uma frase é uma série de notas que soam completas mesmo quando separadas da melodia principal.

Vamos usar o exemplo musical acima para demonstrar as frases.

Ouça os primeiros dois compassos, note como eles soam incompletos.

Agora ouça os primeiros quatro compassos, que soam mais completos.

Esses compassos podem ser considerados uma frase.

Ouça do quinto ao oitavo compasso.

Devido à sua completude, eles também formam uma frase.

Uma cadência é uma progressão de dois acordes que ocorre no fim de uma frase.

Se uma frase termina com qualquer acorde indo para o grau V, acontece uma meia cadência (MC).

Ouça novamente os primeiros quatro compassos e observe a sonoridade da meia cadência.

A maioria das pessoas percebe uma meia cadência como soando incompleta. Por causa disso, os compositores geralmente continuam as meias cadências com uma frase que termina numa cadência autêntica (CA).

Uma cadência autêntica ocorre quando uma frase termina com um grau V ou viiº, indo para I (ou i se menor).

Ouça o exemplo acima, observando o som das duas cadências.

Cadências autênticas são geralmente classificadas como perfeitas ou imperfeitas.

Para ser considerada uma cadência autêntica perfeita (CAP), a cadência precisa obedecer três exigências.

Primeiro, o grau V precisa ser usado em vez do viiº.

Segundo, ambos os acordes precisam estar na posição fundamental.

Por fim, a nota mais aguda do acorde I (ou i) precisa ser a tônica da escala.

Uma cadência autêntica imperfeita (CAI) não atende todos esses requisitos.

As cadências autênticas acima são imperfeitas por diferentes motivos.

No primeiro exemplo, um viiº é usado no lugar de um V.

No segundo exemplo, um dos acordes não está na posição fundamental.

No terceiro exemplo, a nota mais aguda do acorde I não é a tônica da escala.

Além de meias cadências e cadências autênticas, existem outros dois tipos.

Se uma frase termina com IV (ou iv) indo para I (ou i), ocorre uma cadência plagal (CP).

Ouça o exemplo acima, observe o som da cadência plagal.

Se uma frase termina com V indo para vi (ou VI na tonalidade menor), uma cadência deceptiva (CD) ou enganosa acontece.

Cadências deceptivas são geralmente usadas no lugar de uma cadência autêntica.

Reveja o exemplo musical usado no começo desta lição. Note que nós substituímos a cadência autêntica no fim da segunda frase por uma cadência deceptiva.

Ouça o exemplo modificado. Note como a cadência “decepctiona” (já que se espera ouvir um I).

Se você encontrar algum erro, por favor nos avise, é bem fácil! Basta marcar o texto e pressionar Ctrl+Enter.

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: