Intervalos Genéricos

As Aulas de Teoria Musical foram produzidas com animações em Flash, uma tecnologia que ficou obsoleta e não roda mais nos principais navegadores. Caso você tenha um navegador mais antigo, você pode ver as animações em Flash visitando classico.jazzbossa.com/teoria/. Bons estudos!

Um intervalo mede a distância entre duas notas.

Vamos primeiro discutir os intervalos genéricos, que podem ser calculados no pentagrama.

Quando duas notas ocupam a mesma linha ou espaço, elas estão a um intervalo de primeira, ou prima.

Dó para Dó é um exemplo de primeira.

Dó para Dó bemol e Dó para Dó sustenido também são primeiras.

Quando duas notas estão perpendiculares na pauta, elas estão a uma distância de uma segunda.

Dó para Ré é um exemplo de uma segunda.

Dó para Ré sustenido, Dó bemol para Ré e Dó bemol para Ré sustenido também são segundas.

Quando duas notas estão empilhadas juntas, elas estão a um intervalo de uma terça.

Dó para Mi é um exemplo de uma terça.

Mi para Sol e Fá pra Lá também são terças.

À medida que as notas ficam mais distantes, o tipo de intervalo delas aumenta.

Dó para Fá é uma quarta.

Dó para Sol é uma quinta.

Dó para Lá é uma sexta.

Dó para Si é uma sétima.

Dó para Dó é uma oitava.

Se você encontrar algum erro, por favor nos avise, é bem fácil! Basta marcar o texto e pressionar Ctrl+Enter.

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: